Caminhos agrícolas

Com base no conhecimento da rede de caminhos existente nos Perímetros de Ordenamento Agrário, conjugado com o conhecimento da estrutura das explorações, é delineada uma rede de caminhos agrícolas, racional e tecnicamente adequada à utilização agrícola. Tem por objetivo final a redução dos tempos de deslocação dos agricultores entre as suas parcelas e o seu assento de lavoura.

No arquipélago dos Açores desde a década de noventa tem-se vindo a adensar a rede de caminhos agrícolas dentro dos Perímetros de Ordenamento Agrário, quer através da beneficiação de caminhos existentes, quer pela construção de novos caminhos. Atualmente a rede de caminhos agrícolas conta com cerca de 340 km beneficiados.